Visitantes on line

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Gastrite e Refluxo

Faça pequenas refeições várias vezes ao dia e evite ficar sem comer por mais de três horas seguidas.
Coma devagar e mastigue bem os alimentos, isso lhe ajudará na digestão;
Evitar frituras em geral (pastéis, batata frita, coxinhas, etc.) e alimentos naturalmente gordurosos (abacate, castanhas, carnes gordas). Eles retardam a digestão e podem provocar refluxo. Prefira o leite desnatado ao integral, assim como queijos brancos aos amarelos;
Evite o consumo de café, refrigerantes, chocolate, chá mate e chá preto, pois induzem a secreção ácida. Prefira os chás de camomila, erva-doce, erva-cidreira, melissa.
Evite o uso de bebidas alcoólicas e do fumo.
Evite comer alimentos muito temperados, apimentados e ácidos (vinagre, pimenta, molho inglês, extrato de tomate, ketchup, mostarda, molho tártaro, caldos concentrados, pimenta-do-reino, noz-moscada, páprica, cravo-da-índia, entre outros).
Procure ingerir alimentos a temperatura ambiente, nem muito quente, nem muito frio;
Observe se o consumo de frutas ácidas (laranja, tangerina, limão, abacaxi, maracujá, acerola) lhe causa algum desconforto. Caso sinta dores no estômago após comê-las, procure substituí-las por frutas menos ácidas (banana, mamão, melancia, etc.). Caso não tenha nenhum problema, pode comê-las normalmente.
Prefira as carnes assadas, grelhadas ou cozidas, retirando a gordura visível. Retire a pele do frango.
Evite pepino, tomate, couve, couve-flor, brócolis, repolho, pimentão, nabo, rabanete.
Evite doces concentrados em açúcar, como goiabada, doce de leite, cocada, geléias, dentre outros.
Beba bastante água durante o dia, mas dê um espaço de uma hora antes e uma hora depois do almoço e jantar.
Evite bebidas gasosas, como refrigerantes e água gasosa, pois irritam a parede do estômago.
O leite, em jejum, deve ser evitado, pois após o alívio que causa, haverá maior produção de ácido no estômago. Jamais tome leite de estômago vazio;
Evite qualquer alimento que lhe cause algum desconforto.
Evite deitar após as refeições, para não aumentar a compressão do esôfago e estômago. Aguarde de 2 a 3 horas. Da mesma forma, evite aquele “lanchinho” antes de dormir;
Procure elevar a posição do leito ao deitar-se, colocando a cabeça mais alta que os pés
Em caso de dores muito fortes no estômago, evite os alimentos crus, fibrosos e com casca neste período.
Siga corretamente o plano alimentar respeitando os horários das refeições.
Exercícios físicos ajudam a diminuir a ansiedade e o estresse. Portanto, escolha um exercício de sua preferência.

Este material e outros semelhantes estão disponíveis em: Manual de Apoio ao Atendimento Nutricional em Consultório 


4 comentários:

  1. Oi tudo bem com vcs? Adorei o blog e gostaria de uma ajuda sobre como fzr um cardápio especifico no meu caso, recentemente após um exame dsescobri ter esteatose hepática leve e litiase vesicular esta última necessita uma intervenção cirúrgica, mas até lá preciso fzr um reeducação alimentra urgente e goataria da coopreação de vcs neste sentido, Cordialmnte, Luis César
    PS: Envia respsota no e-mail lcramos_62@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. olá td bem? olha estou muito preoculpada comigo pois estou perdendo peso devido essa maldita gastrite, malho pra ganhar massa mais esta sendo ao contrário. pesso ajuda de vcs se possível.

    ResponderExcluir
  3. Aconselho a se consultar com um nutricionista, que a acompanhará.

    ResponderExcluir
  4. Estou com a seguinte duvida: Sempre me indicaram a couve como excelente para gastrite.
    Quem esta com a razão? Voces não aconselham o consumo da mesma?

    Djalma

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário ou sugestão para podermos melhorar!